Skip to Content Skip to Search

Reconhecimentos - Sustentabilidade

GSK alcança o 1º lugar no Índice Dow Jones de Sustentabilidade (DJSI) na categoria indústria farmacêutica

Reconhecimento é resultado do investimento em ações de ESG

Rio de Janeiro, Novembro de 2021 – A GSK alcançou o 1º lugar, na categoria farmacêutica, no Índice Dow Jones de Sustentabilidade 2021 (Dow Jones Sustainability Index - DJSI), anunciado nos últimos dias. Em 2020, a companhia já havia figurado em 2º lugar, avançando para liderança este ano. O reconhecimento é resultado do investimento global da empresa em ações efetivas de ESG (Environmental, Social e Governance).

Figurar no topo do DJSI é um grande reconhecimento por todas as nossas atividades a nível global. A cada ano, conseguimos avançar na promoção de importantes ações para a saúde das pessoas e do planeta, e estamos sendo reconhecidos por isso”, afirmou Andre Vivan, presidente da GSK Brasil.

O investimento em práticas de sustentabilidade é uma realidade na companhia que, há uma década, foi uma das primeiras a definir, globalmente, objetivos específicos relacionados ao tema. Os resultados já podem ser mensurados com a redução de 34% das emissões de carbono. A empresa pretende contribuir para limitar ainda mais o aquecimento global, por meio de outros dois ambiciosos objetivos lançados em 2020: impacto zero no clima e impacto positivo na natureza.

Já no Brasil, as metas ambientais da GSK estão direcionadas a quatro ações específicas:

(1) zerar, até 2030, as emissões líquidas de Gases de Efeito Estufa (GEE);

(2) reduzir o consumo de água em 20%, até 2030;

(3) beneficiar 90% dos resíduos – meta já atingida em 2020, ao alcançar a marca de 95% dos resíduos beneficiados com a reciclagem e compostagem;

(4) utilizar 100% da energia elétrica de fonte renovável até 2025.

A implementação de uma usina fotovoltaica na fábrica, no Rio de Janeiro, é um importante passo neste sentido. O Brasil é o primeiro país da América Latina a implementar o projeto, que usa como recurso a energia solar. Nesta primeira fase, a estimativa é reduzir 5% o consumo de energia elétrica e 54 toneladas de emissão de CO2 ao ano.

No campo social, a companhia alcançou uma marca histórica em Inclusão & Diversidade: 49% dos cargos de liderança são ocupados por mulheres no Brasil. A GSK também apoia projetos sociais e comunidades do entorno à sua sede, atuando como parte integrante da sociedade.

Tenho certeza de que nossas iniciativas e resultados locais corroboram para o crescimento sustentável da companhia como um todo e, principalmente, para o futuro saudável do planeta”, concluiu Andre Vivan.

A pesquisa abrangente do DJSI é uma referência global de liderança empresarial em ESG. O índice tornou-se cada vez mais competitivo. Neste ano, por exemplo, houve o aumento no número de empresas participantes, com 33% a mais em comparação com o ano anterior.

Sobre a GSK

A GSK é uma empresa global de saúde com foco em ciência e com um propósito especial de ajudar as pessoas a fazer mais, sentir-se melhor e viver mais. Temos três negócios globais que pesquisam, desenvolvem e fabricam medicamentos inovadores, vacinas e produtos de saúde. Somos uma das empresas de saúde mais inovadoras, confiáveis e com o melhor desempenho do mundo. No Brasil, somos líderes em Vacinas, HIV e na área Respiratória. Para mais informações, visite www.gsk.com.br.